ALMOÇO / CONVÍVIO

ALMOÇO / CONVÍVIO

Os futuros almoços/encontros realizar-se-ão no primeiro Sábado do mês de Outubro . Esta decisão permitirá a todos conhecerem a data com o máximo de antecedência . .
.
.

PERSONALIDADES (2)

Mais uma figura para a nossa série personalidades. Repetindo o espírito da sua primeira publicação ("O Caldense", 1958) desafiamos os comentadores a adivinharem quem é e a escreverem umas palavras sobre ele.
.
.
.


Eis outro vulto que marca
cá nos anais da Comarca
e por diversos motivos…
entre os quais avulta aquele
de que só graças a ele…
muitos de nós estamos vivos!

Sendo um médico distinto
podem crer que não lhes minto
ao vir aqui afirmar…
que, sejam ricos ou pobres,
tenham ou não tenham cobres…
ninguém fica por tratar!

Mas…quando chegam as férias,
põe de parte as coisas sérias
e chega-lhe a ele a “febre”…
de ir à caça das perdizes
ou de agrvar as varizes…
correndo atrás duma lebre!

LEONEL CARDOSO
.
............................................................................................
C O M E N T Á R I O S
.
o das caldas disse:
O Dr. Mário de Castro está no meu coração para sempre. Sendo mesmo Delegado de Saúde não se eximiu, em 1966, passar-me um atestado médico (de doença inexistente) que me permitiu fazer exames no Liceu Nacional de Leiria que me garantiram habilitações suficientes para desempenhar a minha profissão - é que naqueles tempos não existia a figura juridica de trabalhador estudante, que era o meu caso.
Higino Rebelo
.
Isabel X disse:
Fantástica esta caricatura! O Dr. Leonel Cardoso só pode ter sido, de facto, alguém de extrema sensibilidade para de modo tão particularmente expressivo saber captar o Dr. Mário de Azevedo e Castro! O cigarro eternamente aceso, o modo algo displicente, a generosidade com que atendia os doentes independemente de pagarem ou não, a paixão pela caça, tudo, mas mesmo tudo, aqui estão! Agradeço ao João Jales por nos avivar a memória deste modo tão justo e eficaz!
- Isabel Xavier -
.
A L disse:
Era uma pessoa maravilhosa, um coração de ouro e um médico competentíssimo este nosso Dr. Mário de Castro. Uma grande saudade me bateu no peito quando vi esta caricatura!
Era um verdadeiro médico de família,conhecia pais,tios,irmãos e primos de todos os doentes e usava esse conhecimento na sua actividade.Tinha sempre uma palavra de conforto e tranquilidade,independentemente da gravidade das situações.
Um Homem que mereceria talvez uma homenagem mais formal e de maior dimensão.
esta ideia de mostrar aqui as caricaturas do Dr. Leonel é muito boa,este nosso blogue é um projecto cada vez mais ambicioso! Parabéns João. AL
.
Manuela Gama Vieira disse:
Adivinhei de imediato! O Dr. Mário de Castro, dedicadíssimo médico de família que recordo com saudade. Zelou pela VIDA do meu irmão mais novo, até à minha “Tarde Extraordinária”, a do dia 25 de Abril de 1966!
Manuela Gama Veira
-

4 comentários:

o das caldas disse...

O Dr. Mário de Castro está no meu coração para sempre. Sendo mesmo Delegado de Saúde não se eximiu, em 1966, passar-me um atestado médico (de doença inexistente) que me permitiu fazer exames no Liceu Nacional de Leiria que me garantiram habilitações suficientes para desempenhar a minha profissão - é que naqueles tempos não existia a figura juridica de trabalhador estudante, que era o meu caso.
Higino Rebelo

Isabel X disse...

Fantástica esta caricatura! O Dr. Leonel Cardoso só pode ter sido, de facto, alguém de extrema sensibilidade para de modo tão particularmente expressivo saber captar o Dr. Mário de Azevedo e Castro! O cigarro eternamente aceso, o modo algo displicente, a generosidade com que atendia os doentes independemente de pagarem ou não, a paixão pela caça, tudo, mas mesmo tudo, aqui estão! Agradeço ao João Jales por nos avivar a memória deste modo tão justo e eficaz!
- Isabel Xavier -

Anónimo disse...

Era uma pessoa maravilhosa, um coração de ouro e um médico competentíssimo este nosso Dr. Mário de Castro. Uma grande saudade me bateu no peito quando vi esta caricatura!
Era um verdadeiro médico de família,conhecia pais,tios,irmãos e primos de todos os doentes e usava esse conhecimento na sua actividade.Tinha sempre uma palavra de conforto e tranquilidade,independentemente da gravidade das situações.
Um Homem que mereceria talvez uma homenagem mais formal e de maior dimensão.
esta ideia de mostrar aqui as caricaturas do Dr. Leonel é muito boa,este nosso blogue é um projecto cada vez mais ambicioso! Parabéns João. AL

João Ramos Franco disse...

As recordações são muitas, era meu Médico, sou amigo dos filhos, frequentava a sua casa e era tratado como família. O Dr. Mário de Castro e meu Pai (estuda três anos medicina humana antes ir para veterinária), tinham sido colegas durante esse tempo de Coimbra.
Muitas vezes no café Lusitano em na amena cavaqueira entre os dois, eu os ouvi. O que poderia retirar do que ouvi e contar-vos é longo, mas é assunto para eu pensar
João Ramos Franco